UMA AMIZADE MAIOR

UMA AMIZADE MAIOR

UMA AMIZADE MAIOR

Somos 8 porque é com 8 que se pega um toiro e a missão a que nos propussemos não era um "toiro" fácil.

 

Pegámos todos no Grupo de Santarém. Fomos todos forcados do cabo Pedro Graciosa que nunca deixava de dizer que se podíamos ser muito amigos, não devíamos ficar só por ser amigos. Fizemo-nos muito amigos.

 

Decidimos formar a Associação Praça Maior no final do ano 2018, após uma temporada em que o nosso Grupo não pegou na sua Praça. Não quisemos que isso nunca mais voltasse a acontecer.

 

Pensámos uma estratégia de revitalização da Monumental Celestino Graça que colocámos em prática com muito empenho pessoal, muito trabalho e muito amor.

 

Sempre dissemos que não eramos nem queríamos ser empresários tauromáquicos. O Diogo Palha é economista numa empresa de biotecnologia, o Diogo Sepúlveda é Agrónomo e Diretor de Enologia na maior empresa portuguesa de vinhos, o Francisco Empis é agricultor e técnico de uma grande organização de produtores, o João Cabaço é empresário agrícola assim como o João Torres Vaz Freire, tendo a seu cargo grandes explorações, o João Pedro Seixas Luís é gestor de seguros numa multinacional, o Joaquim Pedro Torres é advogado e sócio de um escritório em grande crescimento que fundou e o Pedro Seabra é gestor e administrador de uma sociedade financeira. A nossa vida é outra.

 

Por amor e com amor, deitámos mãos à obra nesta missão de revitalizar a Celestino Graça e voltar a colocá-la no seu lugar de Praça Maior.

 

Agora, depois do que fizemos de 2019 a 2021, com a ajuda de tantos, é tempo da Monumental de Santarém iniciar um novo ciclo.

 

Pela nossa parte, continuaremos com a Associação Praça Maior, até porque ficámos ainda mais amigos!